quarta-feira, abril 04, 2007


AS PALAVRAS
SÁBIAS DO
SENHOR
PLAYMOBIL ........ (# 04)



"Se uma vaca pudesse

ela comeria você e toda sua família"

21 comentários:

luciene disse...

Ai Diogo, essa foi muito boa!!!
;D

leandrofaro disse...

Porque, nos apropriando da falta de respeito alimentar vegan: "Sim, nós comemos cadáveres..." - N.A.

marcos disse...

Diogo, eu odeio os vegetarianos também!

gigi disse...

Oi, Di. Na verdade foi um bolo duplo, né? Você não veio a nós e não nos permitiu ir a você, ó magnânimo poeta. Tudo bem, fica pra próxima.

A unha francesinha, na mão, é bonitinha.... só a pontinha branca. O problema é que tem gente que viaja na maionese e deixa a unha do pé crescer pra poder fazer também, e eu acho unha grande no pé uma coisa abominável.

A Audrey Tautou é um luxo e eu sou a Amélie Poulain de pai e mãe.

E amanhã é quinta! Adoro.

bjsssssssssssssss

SAMANTHA ABREU disse...

e o que será que ela diria às mulheres peitudas?
ahahahahahaaaa

imagina.. como seria essa vingança!

Cascarravias disse...

mas não subestime o poder da idiotice. nesse mundo bovino certamente haveria manifestação de boi vegan querendo nos salvar da selvageria carniceira.

Hi disse...

amado mestre, nao sumi nao... é que estava atolada com a historia do beijaço, mta gente pra coordenar e apresentar, o olho do furacão foi no meu email com o meu nome, ai ja viu...

alem disso estou com um projeto novo no trabalho, que tem me consumido, algo que mudará minha vida e mexerá com as bases filosóficas da cultura empresarial, uau!

mas nem so de pretenção vive essa mulher que vos escreve, logo, logo saberás de tudo.

tenho deixado meu blog de lado tb, falta-me concentraçao e no mais, as boas histórias que tenho vivido são deveras intímas e estao guardadas comigo e com os que eu julto serem de boa fé...

beijos calorosos

Hi

Hi disse...

opa, erros gramaticais e de ortografia no ultimo post, por favor leitores, desconsiderem...

teclado velho que agarra! uó!

bjo

garota bossa-nova disse...

Cheguei aqui através de um recado que vc deixou em meu scrapbook.Depois venho pra ler com mais calma.inté!

revolution_9 disse...

Tipo, alguém já viu o documentário "A carne é fraca"? O problema é que os bichos, pra serem alimentados, consomem muitos grãos e água que poderiam ser melhor utilizados... As flautulências dos bovinos, ricas em gás metano, contribuem para o efeito estufa... Fora a forma como os bichos são criados e sacrificados... Muita crueldade, o que libera toxinas e energia ruim na carne... Fora os hormônios e antibióticos, usados para manter a "produtividade" do "negócio"...

Isso não é problema de se comer ou não os bichos, e sim da forma como é feito no mundo moderno, onde criou-se a cultura que devemos comer carne SEMPRE (o que é mentira), logo cria-se essa indústria sinistra...

Mas, na antiguidade, os bichos eram criados razoavelmente livres e felizes, e eram mortos em ocasiões de festas e banquetes, e geralmente sacrificados aos deuses.

Os vegans mais pela-sacos dizem não comer "cadáveres", jamais teriam coragem de comer um "bichinho", bem, pra esses o recado do playmobil cai bem...

Eu (ainda) não virei vegan (pq não administro a cozinha, por isso me dou um certo desconto), mas, se eu pudesse criar meus próprios bichos, livres e felizes, e matar um ou outro por ocasiões especiais, pedindo licença e agradecendo à Mãe Natureza, faria um churrasco bem sangrento e mal passado e comeria AMARRADÃAAAAO...

Cascarravias disse...

se todo mundo que gosta de picanha ou lombinho resolver criar seus bichos livres e felizes, vai ter sem terra tendo que meter foice no pescoço das vaquinhas e porquinhos.

revolution_9 disse...

Casca,

Se for seguir esse seu raciocínio então tem que pegar os grãos que dão pra alimentar os bois pra uma elite que gosta de picanha, e alimentar as pessoas que passam fome com esses grãos... Ou pegar os imensos pastos que são mantidos pra alimentar os bois que satisfazem à elite que gosta de picanha e plantar arroz pros famintos...

revolution_9 disse...

o problema não é gostar de picanha, é querer comer picanha toda hora... Como eu disse antes (não sei se vc prestou atenção), na antiguidade os animais eram mortos somente em ocasiões especiais... Isso quer dizer que pra alimentar de picanha um povo vc não ia gastar tanta terra assim, já que só se comeria a bendita picanha bem de vez em quando...

Cascarravias disse...

na antiguidade tinha menos de dez por cento das pessoas querendo comer qualquer coisa. não adianta querer fazer qualquer projeção para os dias de hj considerando-se algum passado idílico. o muno de hj é o mundo de hj.

Diogo Lyra disse...

Mas e aí, encheram o rabo de lingüiça ou caíram de boca no pepino?! Enfim, a picanha já vem. Sentem, por favor...

4rthur disse...

E se ao invés de cinco quilos de carne eu comprar cinco de espinafre, será que dá pra vinte comer?

Um beijo pra vaca e pra todo mundo que for da sua família!

Tamires disse...

Só não gosto de imaginar matando a vaca. Uma vez vi meu vizinho picando a porra na kbeça de um bode...nossa foi sinistro.

revolution_9 disse...

Eu já acho que não esquentaria a cabeça, mataria a vaca, desde de que conhecesse a técnica... Mas, não sei, só vou saber no dia que tentar...

Casca, vc tem razão, mas o mundo de hj é uma merda, e por isso a gente come essa merda dessa carne cheia de antibióticos e energia ruim... O mundo de hj não dá pra levar como referência pra nada, em termos do que é certo ou errado. O mundo de hj tá de ponta-cabeça, tá tudo errado. Tomara q essa porra desse apocalipse chegue logo! Tou com o Velho Nestor!

revolution_9 disse...

e mesmo q eu morra nele!!!

Nestor Loureiro, ser humano desde 1910 disse...

Perdão, mas eu morrerei um dia antes. O perrengue é todo de vocês, malditos seres humanos de uma figa!

Fernanda Alves disse...

Ok, da próxima vez que eu engasgar com a água que bebo enquanto leio esses seus curtas, saiba que a exemplo da balzaquiana de São Paulo também vou lhe enviar um email muito do boca suja...


kkkkkkk...


Sempre ótimo ler ocê, caríssimo Diôgo!